25.10.09

«Faca na Liga»

Deitar o estádio abaixo

Por Joaquim Letria

EM AVEIRO há quem pense, a sério, em deitar abaixo o estádio vazio da cidade que Guterres mandou construir entre os 10 que edificou para o campeonato Europeu de Futebol, gastando, ao todo, cerca de 400 milhões de euros.
O estádio de Aveiro, que custou mais de 40 milhões de euros, tal como todos os outros, exige que gastem com ele cerca de 20 milhões de euros todos os anos, o que é incomportável para o orçamento da cidade que suporta o estádio municipal. O poder político socialista de então obrigou o clube aveirense Beira Mar a abandonar o seu estádio Mário Duarte para passar a jogar no Estádio agora ameaçado, onde cerca de 800 a 2500 espectadores se juntam para ver cada jogo do seu clube em casa. Uma vereadora do PSD agora eleita nestas últimas autárquicas já falou em mandar proceder à implosão do estádio que ninguém quer. (...)

Texto integral [aqui]

Etiquetas:

2 Comments:

Blogger Táxi Pluvioso said...

Muito mau precedente. Se começam a explodir estádios, é um passo para explodir com o fado ou Fátima.

26 de outubro de 2009 às 06:42  
Blogger BM said...

Boa noite. Se puder veja este vídeo sobre os estádios em Aveiro:
http://www.youtube.com/watch?v=iSJ31IBCvj0

2 de novembro de 2009 às 20:01  

Publicar um comentário

<< Home