21.8.14

Os pinta-paredes de Lagos

Alguém sabe o que os poderes públicos (autarcas e PSP) estão a fazer, EM CONCRETO, para enfrentar este flagelo que está a proliferar impunemente na cidade? 
Numa altura em que NEM A MURALHA é poupada (1ª e 2ª imagens), essa gente (a quem a gestão e a segurança da cidade estão entregues) não tem, sequer, uma palavra a dizer?!

4 Comments:

Blogger 500 said...

Não parece aceitável que numa pequena cidade como Lagos, a polícia não conheça os rufiões. Ou, então, anda a dormir na forma, à caça de gambizinos.

21 de agosto de 2014 às 21:50  
Blogger Carlos Medina Ribeiro said...

Nesta época do ano, com a "invasão dos bárbaros", os actos anti-sociais aumentam. Mas, no que toca a estes gatafunhos, a cidade já tem grunhos-residentes em boa quantidade...

22 de agosto de 2014 às 11:26  
Blogger Associação Sócio Profissional dos Guardas-Nocturnos said...

Na madrugada de Quarta e Quinta, foram apanhado 2 grupos distintos de estrangeiros a fazerem grafities.

Na primeira situação um Guarda-Nocturno apanhou 2 jovens, e mais tarde apoiou a PSP a apanhar mais dois.

Na segunda situação, apanhou mais dois individuos.

Pelos rabiscos, dá para associar a autoria aos mesmos identificados.

Mas fiquem a saber que tal não é crime, mas apenas uma contra-ordenação, agora perguntamos como é que se cobra a mesma a cidadãos estrangeiros que abandonam o País?

22 de agosto de 2014 às 20:27  
Blogger Carlos Medina Ribeiro said...

ASPGN

Muito grato pelo vosso comentário.
Vou, então, antecipar a afixação de um 'post', que mostra o que sucede em Espanha (e que era para aparecer só amanhã).

22 de agosto de 2014 às 21:22  

Enviar um comentário

<< Home