29.5.06

Curiosidade lusitana

OS PORTUGUESES não só precisam de ser protegidos uns dos outros como também têm de ser protegidos de si mesmos.

Só assim se compreende que alguém seja multado por não colocar o cinto-de-segurança ou por ir para a água quando a bandeira vermelha está hasteada na praia.

Fazem lembrar a anedota do instrutor de pára-quedismo:

«Atenção, malandragem! Quem não abrir o pára-quedas será castigado com a perda do fim-de-semana!»

3 Comments:

Blogger Bernardo Moura said...

Certissimo!

29 de maio de 2006 às 18:35  
Anonymous Anónimo said...

O problema é que no caso da bandeira vermelha na praia o português que se arrisque a ir à água está a colocar-se em perigo mas também ao nadador salvador que o tente salvar.

29 de maio de 2006 às 23:25  
Blogger Bernardo Moura said...

Sem dúvida! Tem toda a razão!

2 de junho de 2006 às 15:02  

Enviar um comentário

<< Home