28.11.07

O dançarino

Por Joaquim Letria
HÁ POUCO TEMPO, em Viana do Castelo, o ministro dos Negócios Estrangeiros, Luís Amado, apareceu a dançar o vira. Agora, este dançarino já anda a afiambrar o merengue e umas mornas para entreter, devagarinho, quem o quer pôr a dançar a música que ele cantou quando quis Mugabe em Lisboa, em vez de chutar para a União Africana e para a União Europeia e elas que se desenrascassem.
Perante a recusa de Gordon Brown vir, se Mugabe cá estiver, Amado já diz para Londres que preferia que Mugabe não viesse, na esperança de que este o ouça em Harare. Tais atitudes deixam ingleses e zimbabueanos a sorrirem de alto. Quem não mostra vergonha não pode esperar respeito.
Estas coisas dizem-se cara a cara, olhos nos olhos, como estou cheio de curiosidade de ver Mário Soares fazer a Tony Blair quando, em breve, este cá vier proferir uma conferência. Há dias, no “El País”, o ex-presidente da República disse que a ideia de Tony Blair assumir o novo cargo de presidente da União Europeia era “insólita e insensata”. O que também me parece, mas Soares que o diga agora no “trombil” de Blair. Para que este saiba e a gente veja.
«24 Horas» de 28 de Novembro de 2007

Etiquetas:

4 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Lá capaz disso é ele... É por isso que não consigo deixar de gostar do raio do homem.

28 de novembro de 2007 às 22:06  
Anonymous Anónimo said...

Do Soares, entenda-se. Não é do Blair.

28 de novembro de 2007 às 22:07  
Blogger R. da Cunha said...

Na minha modesta opinião o assunto Mugabe foi muito mal tratado pela presidência portuguesa. Convidar o homem e depois dizer-lhe que não é bem vindo, ou que a sua vinda ficará em nota de rodapé da história da Cimeira, não me parece nada elegante, principalmente para um ministro dos Negócios Estrangeiros. É o que há...

28 de novembro de 2007 às 23:09  
Anonymous Anónimo said...

Caro bloguista, Sr. Joaquim Letria
Tamos cá prá vêr! assinatura: "Desculpem lá qualquer coisinha,mas é só olhar à volta!"

28 de novembro de 2007 às 23:53  

Publicar um comentário

<< Home