25.11.08

Poluição sonora

Por Nuno Crato
NÃO SEI SE O LEITOR costuma ir ao supermercado. Quem vai de manhã, pouco depois da abertura, e procura um carrinho, repara que eles foram estacionados em filas paralelas, mais ou menos do mesmo comprimento. Durante algum tempo, as filas vão diminuindo ao mesmo ritmo e mantêm-se de comprimentos semelhantes. Mas se o leitor passar pelo mesmo sítio umas horas depois, reparará que há filas de carrinhos muito mais longas que outras e que o comprimento das mais longas vai aumentando.
(...)
O problema tem sido estudado matematicamente e sabe-se que apenas ao princípio do dia o sistema tende a um equilíbrio. Nessa altura, corrige-se a si próprio — é estável. Quando o ritmo de depósito aumenta um pouco, torna-se divergente ou instável, como se diz.
(...)
Texto integral [aqui]
NOTA (CMR): Ver [aqui] como o problema pode ser facilmente resolvido!

Etiquetas:

1 Comments:

Blogger Graça Pimentel said...

Li este artigo com tanto prazer que o recortei do jornal e guardei. Está excelente... ou não fosse de Nuno Crato

25 de novembro de 2008 às 14:34  

Enviar um comentário

<< Home