6.2.17

Sem Emenda - As Minhas Fotografias

O porta-aviões americano USS Saratoga em frente ao Terreiro do Paço, em Lisboa – Fevereiro de 1975. Há 42 anos. Era o princípio daquele que ficou na história como PREC (Processo Revolucionário em Curso) ou “Verão quente”. O mundo vivia uma crise difícil. Os americanos estavam a perder o Vietname. Nixon portara-se mal e o processo de “impeachment” tinha-o obrigado a afastar-se. Os soviéticos estavam a ganhar em vários sítios de África e Ásia. Em Portugal, uma revolução democrática descambava. Havia comunistas no governo e à cabeça das Forças Armadas. A NATO organizava manobras (Locked Gate – 75) de grande envergadura no Atlântico ocidental, incluindo Lisboa. Aqui chegaram o porta-aviões Saratoga e vasos de guerra americanos, ingleses e franceses. O Saratoga colocou-se diante do Terreiro do Paço e do Cais das Colunas. Para que não houvesse dúvidas. A imprensa informou pouco. Mas os comunistas fizeram manifestações que rezavam: "Fora a NATO! Fora a CIA! Independência nacional"! Uns Portugueses sentiram-se ameaçados. Outros protegidos. Eram assim aqueles tempos!

DN, 5 de Fevereiro de 2017

Etiquetas:

4 Comments:

Blogger Ilha da lua said...

Uma fotografia que fica para história Felizmente venceram os que sentiram protegidos

6 de fevereiro de 2017 às 21:52  
Blogger José Batista said...

Extraordinário.
Não tinha qualquer ideia disto. Realmente, ou a imprensa informou pouco ou eu, muito jovem, andava distraído ou andaria atento a outras coisas, lá pelo interior (Castelo Branco...), ou as três ou duas das hipóteses anteriores.
Imaginar o Terreiro do Paço assim obstruído, visto pelas pessoas na altura, deve ter causado ainda mais impressão do que aquela que me causa a mim agora, olhando a imagem.

6 de fevereiro de 2017 às 22:08  
Blogger Carlos Medina Ribeiro said...

Sim, no dia 7 de Fevereiro houve uma manifestação que terminou em frente ao Ministério do Trabalho, onde eu estive.
Nessa época, Pinochet estava no poder, e temia-se que, por cá, aparecesse alguém semelhante.
No mês seguinte dava-se o 11 de Março, com Frank Carlucci por perto, etc.

8 de fevereiro de 2017 às 09:49  
Blogger Ilha da lua said...

Depois da alvorada de Abril e nessa altura todos os democratas Ainda temiam a tentativa de regresso da longa noite fascista...sem olharmos com cuidado para outra longa noite,que insidiosamente se preparava para se instalar ...Felizmente instalou-se a liberdade e a democracia...Esperemos que perdure nestes tempos também conturbados

8 de fevereiro de 2017 às 14:59  

Publicar um comentário

<< Home