20.6.08

POR-TU-GAL! POR-TU-GAL! POR-TU-GAL!

O AUTOMOBILISTA (m/f) que atravancou completamente este passeio não parou ali "só por um instantinho" - como costuma dizer quem o faz.
Nada disso; apesar de haver lugares por perto (e gratuitos!), parece que escolheu o sítio onde mais poderia incomodar. Em seguida, meteu o resguardo contra o sol, trancou o carro, e foi à sua vidinha calmamente, pois bem sabe que, numa terra onde a impunidade reina, o único risco que corre é que lhe roubem a bandeirinha (de Portugal ou da Selecção?) com que mostra o seu amor pelo país - a única forma de patriotismo que muitos portugueses conhecem.

1 Comments:

Blogger Rodolfo said...

Desculpe lá, vizinho.

20 de junho de 2008 às 14:38  

Publicar um comentário

<< Home