14.9.08

Luz-XXII

Fotografias de António Barreto - APPh
.

Clicar nas imagens para as ampliar
Torres do World Trade Centre, Nova Iorque - Vi-as pela primeira vez no início dos anos setenta. Voltei lá várias vezes. Eram magníficas de leveza e transparência. No terraço de uma delas, passei horas a ver a cidade. O seu derrube foi, em si, um acto criminoso. Sem falar, evidentemente, nas pessoas e no terror. Fez agora sete anos! Estas imagens datam de 1978. A enorme tapeçaria do Miró estava exposta à entrada de uma das torres. As suas cores davam alegria a todo o edifício. Ao contrário do que se diz, nunca pensei que estas torres fossem o símbolo e o orgulho do capitalismo. Essas características vão muito melhor com outros edifícios, em especial a torre da Chrysler. Se estas poderiam simbolizar alguma coisa, na sua pureza de linhas e formas, era muito mais a ciência e a tecnologia modernas.
NOTA: estas fotos, juntamente com crónicas diversas do mesmo autor, estão também no seu blogue Jacarandá

Etiquetas:

1 Comments:

Blogger Rui Caetano said...

Um dia que deverá ser recordado, mas, acima de tudo, um dia que deveria servir como ma licão. O mundo não se gere com o pensamento preso às armas e à morte.

14 de setembro de 2008 às 10:35  

Publicar um comentário

<< Home