17.4.05

A fraude do «LAÇO LIBANÊS» (que raio de nome!)

Do lado esquerdo, vê-se uma ATM normal. Do lado direito, a mesma, mas com um pequeno «acessório»...

Sempre que vir uma maquineta com este aspecto não a utilize e alerte as autoridades, pois o que acontece é evidente: a pessoa insere o cartão, marca o código, mas o cartão fica preso.

Depois, chega um «artista», tira o acessório, e fica com acesso ao código, podendo para isso fazer levantamentos até que o dono anule o cartão.

(Enviado por CPC)

NOTA: Às vezes, estes avisos são apenas «mitos urbanos», ou daqueles irritantes e-mails do tipo AVISE TODA A GENTE!!

Por isso, antes de o afixar aqui, fiz uma pesquisa - e parece que é verdade. Ver, por exemplo, a notícia:

www.correiodamanha.pt/noticia.asp?id=154726&idselect=10&idCanal=10&p=94


1 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Eventualmente, o acessório apenas "chupa" o cartão, sendo o código "visto" por alguém que está perto, a ver.
ERR

18 de abril de 2005 às 13:28  

Publicar um comentário

<< Home