24.10.10

Bem-vindos ao inferno!

Por João Duque

A UNIÃO Europeia tanto exige contas públicas sãs como aceita estas trapaças contabilísticas que só iludem ignorantes.
Paulo Trouxa, conhecido pelo "Pê-Tê" lá do bairro, morreu. Chegado às portas do paraíso, tem de escolher entre o céu ou o inferno, depois de experimentar um e outro durante 24 horas.
O dia no Inferno foi uma delícia: companhias femininas meio desnudadas com corpos divinos e sensações inesquecíveis; desportos variados; refeições abundantes, compostas por iguarias e bebidas nunca antes provadas; amigos em cavaqueira e animação constante, em festas de fim da tarde a desfrutar paisagens lindas; música alegre e estimulante; tudo limpo, arrumado e grátis! (...)

Texto integral [aqui]

Etiquetas:

11 Comments:

Blogger José Batista said...

Cá por coisas:
E o inferno para onde caminhamos e que de amplas e "convidativas" portas escancaradas nos espera, será de direita ou de esquerda?
Ou tanto vale andar pela direita como pela esquerda, fazendo o pino ou avançando às arrecuas?
Ou de rastos?...
Cá por coisas.

24 de outubro de 2010 às 14:56  
Blogger GMaciel said...

E não se pode correr com esta gente ao pontapé???

Caramba, ainda ontem se teciam loas ao bom caminho que Portugal seguia,hoje estamos atolados até ao pescoço na incompetência dos mesmos que se elogiavam.

E os burros somos/éramos nós!

24 de outubro de 2010 às 14:58  
Blogger José Batista said...

Provavelmente, Graça Maciel, os burros somos mesmo nós. Pelo menos para alombar com os custos.
Também admito que os nossos representantes ainda se riam de nós, e nos tratem propositadamente como burros. Sim, porque eu já admito tudo.
E às vezes, dá mesmo vontade de os correr à vassourada.
Mas fomos nós que os elegemos...
Que condenação!

24 de outubro de 2010 às 18:10  
Blogger Manuel Brás said...

Estas artimanhas financeiras
com activos tão coloridos
revelam acções trapaceiras
de juízos esbaforidos!

Essa mantinha tão rasgada
por quem se julga um valentão
é a marca empertigada
desta calamitosa gestão.

Com o povo desabrigado,
de tantas e tantas asneiras,
acaba por ser fustigado
por gente cheia de peneiras.

24 de outubro de 2010 às 20:02  
Blogger GMaciel said...

Infelizmente,amigo José, tenho de lhe dar toda a razão. Nós é que os colocámos lá e parece que não aprendemos.

Valha o que valer, pela parte que me toca podem contar com um voto em branco nas legislativas. Tussa a vaca, cuspa o boi, vai em branco. A história do voto útil só é útil a eles.

24 de outubro de 2010 às 22:20  
Blogger Ribas said...

O pior (na minha opinião) é que muitos dos que falam também têm telhados de vidro.
Apregoam o moralismo, a transparência, apontam o dedo, desmascaram, mas também eles lá andaram a fazer das suas e não resistiram ao apelo da corrupção e das (más) influências.
Recebi há dias um mail (que espero sinceramente ser fraudulento) onde aparece o Despacho extraordinário n. 9405/2010, publicado a 26-09-2010, na 2.ª Série do Diário da República (que não carece de fiscalização prévia do T.C.????) assinado pelo Sr. João Duque a contratar para o Instituto Superior de Economia e Gestão, o Sr. Eduardo Catroga a tempo parcial “0%” mas onde passa a auferir uma remuneração choruda a 100% com efeitos a partir de 1 de Setembro de 2008 (quase dois anos de retroactivos).
Gostava de ver esta notícia desmentida, quanto mais não seja, pela grande admiração que sempre tive pelo Sr. João Duque.
É que, a ser verdade, também esta contratação, ajudou a contribuir para o “buraco” em que nos encontramos e não pode depois uma personalidade desta dimensão a que todos reconhecem credibilidade defender que se esprema cada vez mais o “povo tanso”.

24 de outubro de 2010 às 22:31  
Anonymous Anónimo said...

Venha descobrir um blogue actual e que trata dos mais variados assuntos sem papas na língua www.alcateias.net

24 de outubro de 2010 às 23:28  
Blogger GMaciel said...

Ribas, será isto?

25 de outubro de 2010 às 17:19  
Blogger Ribas said...

Sim, é uma parte do documento que recebi.
Gostava de ver esta situação esclarecida, para poder esclarecer também o maior número de pessoas que fazem circular esta mensagem.

25 de outubro de 2010 às 19:29  
Blogger Carlos Medina Ribeiro said...

Acerca do que acima é referido, vai ser afixado um 'post' próprio, de João Duque, a esclarecer o assunto "Eduardo Catroga"

25 de outubro de 2010 às 20:06  
Blogger Carlos Medina Ribeiro said...

Já está:

http://sorumbatico.blogspot.com/2010/10/o-catroga-e-o-duque.html

25 de outubro de 2010 às 20:17  

Enviar um comentário

<< Home