21.10.09

«Caim» - Passatempo com prémios


COMO SE DEPREENDE pelos títulos destes livros, foi a mais recente obra de José Saramago que deu origem a este passatempo, em que os leitores são desafiados a adivinhar quantos gramas indica a balança (um número de 4 dígitos, que aqui temporariamente se ocultou). Cada leitor poderá dar uma única resposta.
.
Em alternativa, poderão responder à seguinte questão dupla: nas páginas 84 e 123 de «Caim» há, logo nas primeiras linhas, pequenas gralhas (ambas de uma letra). Em que consistem elas?
.
O passatempo terminará às 20h do próximo dia 25. Os prémios serão exemplares dos livros que aqui se mostram, mas o conjunto de três volumes de «Histórias das Religiões» só será atribuído como prémio da 1ª fase, e desde que o erro não seja superior a 30 gramas.
.
Desafio suplementar (independente dos anteriores): identificar o tema de uma famosa discussão bizantina que vem referida na pág. 17 de «Caim» (20ª linha e seguintes). O prémio, a atribuir a quem primeiro der a resposta certa, será um exemplar de «O Agente de Bizâncio», da Argonauta.

Actualização (25 Out 09/20h05m): ver soluções [aqui]

41 Comments:

Blogger Carlos Medina Ribeiro said...

O livro de Thomas Hardy podia aqui não estar. Além de não ser novo, o Judas do romance não é o seu homónimo do Novo Testamento.

Além disso, o livro de Saramago é, exclusivamente, sobre o Velho Testamento (Caim percorre os lugares lá referidos: Jericó, Babel, Sodoma, Montes Sinai e Ararat, etc).

21 de outubro de 2009 às 23:02  
Blogger R. da Cunha said...

1237 gr

21 de outubro de 2009 às 23:19  
Blogger Unknown said...

Boa noite.

Aposto que são 1320 g.

21 de outubro de 2009 às 23:52  
Blogger Carlos Medina Ribeiro said...

Para quem não leu:

Depois de algumas páginas divertidas acerca de Adão e Eva (completamente desorientados depois da expulsão do Eden), Caim mata Abel e é condenado, pelo Senhor, a errar pelo mundo, sem destino.

Começa então uma peregrinação por aqueles locais do Velho Testamento (com saltos no tempo, para a frente e para trás).

Contacta os principais lugares e personagens (de Abraão a Noé - passando por Job, Lot, Isaac, Jacob, Sara, Agar, Josué, Moisés, etc), e não gosta do que vai vendo (nomeadamente matanças, incestos, lapidações, traições, etc).

Sempre que pode, Caim coloca questões simples às pessoas, e envolve-se em discussões sobre a bondade e justiça do Senhor - qualidade de que ele, pelo que vai vendo, duvida cada vez mais.

21 de outubro de 2009 às 23:52  
Blogger pulguitaatodogas said...

El peso de las palabras en saramago es liviano.
http://pulguitaatodogas.blogspot.com/

22 de outubro de 2009 às 00:13  
Blogger Carlos Medina Ribeiro said...

Eu fico perplexo quando quero falar de coisas bíblicas à maioria dos católicos que conheço. Eu, que o não sou, sei razoavelmente mais do que eles. Pior: eles não sabem, nem querem saber!

Assim, se este livro de Saramago servir para essas pessoas pegarem na Bíblia e a lerem, já terá valido a pena, mesmo que seja só (ou especialmente) nas partes do Velho Testamento que inspiraram o escritor (que até nem precisou de inventar muito, pois o que escreve está quase tudo no texto sagrado...).

Há quem diga que, se isso suceder, Saramago terá prestado, paradoxalmente, um grande serviço aos crentes.
Duvido - porque a imagem do Deus cruel, vingativo, impiedoso e injusto contra o qual Caim se revolta (no livro), pensa e age exactamente como o Velho Testamento refere. Está lá tudo.

«Os deuses foram feitos à imagem e semelhança dos homens», e o do Velho Testamento foi-o à imagem e semelhança dos homens do tempo em que foi escrito.
É natural, pois, que hoje em dia haja quem não se sinta confortável quando confrontado com isso.

22 de outubro de 2009 às 09:17  
Blogger Luís Bonito said...

2150 g

22 de outubro de 2009 às 09:20  
Blogger Paulo said...

2323 g

22 de outubro de 2009 às 09:29  
Blogger MTeresa said...

Este comentário foi removido pelo autor.

22 de outubro de 2009 às 09:29  
Blogger MTeresa said...

:) está boa esta! até pensei que tinha duplicado o comentário! :) O mesmo número, no mesmo minuto..... curioso.
Faço nova aposta? Fico a aguardar resposta.

22 de outubro de 2009 às 09:31  
Blogger Carlos Medina Ribeiro said...

Como habitualmente: em caso de empate, o vencedor é quem deu o 1.º palpite.

Quando há mais do que um um prémio, isso não tem muita importância.
Mas havendo só um, os palpites repetidos são perdidos.

Neste momento, ainda não se sabe quantos prémios haverá (depende de aparecer, ou não, quem acerte na 2ª parte).

Se a Joana quiser arriscar, pode deixar como está. Se não quiser, pode apagar o comentário e substituí-lo por outro.

22 de outubro de 2009 às 09:47  
Blogger MTeresa said...

2332 gr.

22 de outubro de 2009 às 09:49  
Blogger ferreira said...

2666 grs

22 de outubro de 2009 às 11:14  
Blogger Diogo Bobone Carvalho said...

1283g

22 de outubro de 2009 às 13:50  
Blogger João Rodrigues said...

2745 gramas

22 de outubro de 2009 às 14:44  
Blogger Matrioska said...

1975 gramas

22 de outubro de 2009 às 15:21  
Blogger Regalo said...

2001 gr.

22 de outubro de 2009 às 19:33  
Blogger e-ko said...

???? foi o que vi!

23 de outubro de 2009 às 15:37  
Blogger Carlos Medina Ribeiro said...

E-Ko,

Tem razão, alterei o texto para que fique claro que...

...o número que a balança exibia no momento em que foi tirada a foto foi temporariamente substituído por "????"...

No fim do passatempo, ele será mostrado, e atribuído o prémio a quem mais se tenha aproximado dele.

23 de outubro de 2009 às 15:46  
Blogger jcd said...

2800 g.

23 de outubro de 2009 às 15:57  
Blogger Carlos Antunes said...

Vamos subir a parada.
3600 g.

24 de outubro de 2009 às 16:21  
Blogger Eduardo Antunes said...

3210 gramas

24 de outubro de 2009 às 16:37  
Blogger Susana Ricardo said...

O meu palpite vai para 2929.
;)

24 de outubro de 2009 às 16:55  
Blogger Catarina said...

Uma capicua: 3003 gramas

24 de outubro de 2009 às 17:09  
Blogger Gonçalo Mil-Homens said...

3333

24 de outubro de 2009 às 17:28  
Blogger Joana Dias said...

2841 gramas

24 de outubro de 2009 às 17:38  
Blogger Quetzal said...

Boa noite o meu palpite é 2555 gramas

24 de outubro de 2009 às 20:15  
Blogger Carluz said...

2997

24 de outubro de 2009 às 21:16  
Blogger Unknown said...

Em resposta ao desafio suplementar...
Adão e Eva teriam umbigo?

25 de outubro de 2009 às 12:44  
Blogger Mg said...

1897 gr.

25 de outubro de 2009 às 15:37  
Blogger Unknown said...

2422gr

25 de outubro de 2009 às 15:54  
Blogger Mg said...

Quanto ao último desafio, e tendo a resposta mais esperada sido dada, vou pela discussão em torno da concepção de Caim: será filho de Adão e Eva, ou de Eva e uma serpente?

25 de outubro de 2009 às 16:09  
Blogger Carlos Antunes said...

Quanto às gralhas, dado que não me apetece andar a folhear o livro - porque estou com a preguiça domingueira de sair de casa - será que em vez de "caim" aparece "cain"?
As letras estão tão perto uma da outra no teclado...

25 de outubro de 2009 às 16:14  
Blogger Carlos Antunes said...

E porque não será a discussão sobre se Adão e Eva tiveram dois filhos homens, como é que estes tiveram descendência?

25 de outubro de 2009 às 16:16  
Blogger dana_treller said...

2311gr

25 de outubro de 2009 às 17:47  
Blogger Lau said...

2222.

25 de outubro de 2009 às 18:41  
Blogger Carlos Medina Ribeiro said...

Carlos Antunes

Adão e Eva tiveram mais filhos além de Caim e Abel! Saramago refere um 3.º, mas houve muitos mais (necessariamente) mulheres, pois Adão viveu até aos 900 anos...

O que não é abordado no livro são os consequentes incestos, que deram origem aos netos de Adão e Eva.

Aliás, lá mais para diante, no seguimento da salvação de Noé, também haverá necessidade de incestos para repovoar a Terra. Mas também esses não são abordados no livro.

25 de outubro de 2009 às 19:16  
Blogger Carlos Medina Ribeiro said...

Quanto ao Desafio Suplementar:

A resposta que Nunormg deu às 12h44m está certa, pelo que vai receber o livro.

Na realidade, entre as muitas discussões teológicas 'bizantinas' (como «qual o sexo dos anjos?» ou «quantos anjos cabem numa cabeça de alfinete?») havia uma curiosa:

Adão e Eva teriam umbigo?

Dado que o umbigo é consequência do cordão umbilical, eles não deveriam ter.

Resolver esse problema foi, em tempos, mais importante do que parece, por causa da arte sacra - como representá-los, nos quadros e nos vitrais? Com ou sem umbigo?

A resposta acabou por ser "com". No seu livro, Saramago dá uma explicação curiosa para isso.

25 de outubro de 2009 às 19:25  
Blogger Eduardo Franco said...

1550g

25 de outubro de 2009 às 19:39  
Blogger Gena said...

2500 gramas.

25 de outubro de 2009 às 19:48  
Blogger Carlos Medina Ribeiro said...

O passatempo terminou.

Vai ser afixada uma actualização.

25 de outubro de 2009 às 20:03  

Publicar um comentário

<< Home