26.3.08

EM AGOSTO DE 1997, o «Expresso» publicava uma história, intitulada «IVA... e-vai-um» [v. aqui], em que um comerciante já defendia que o IVA devia ser de 20%, para facilitar as contas de cabeça...

4 Comments:

Blogger Mendonça said...

A história do EXPRESSO é uma delícia, especialmente o destino final das folhas de Excel (para jogar à Batalha Naval) não lembrava ao diabo!

26 de março de 2008 às 17:49  
Blogger R. da Cunha said...

Alguém acredita que os preços vão baixar? Veja-se o caso dos ginásios.

26 de março de 2008 às 19:01  
Blogger Carlos Medina Ribeiro said...

R. da Cunha,

Há anos sucedeu exactamente o mesmo com a restauração: o IVA baixou, os preços mantiveram-se...

26 de março de 2008 às 19:20  
Blogger Sepúlveda said...

Ou seja, o governo baixa o IVA dos sectores que quer premiar com lucros...

26 de março de 2008 às 21:06  

Enviar um comentário

<< Home