15.10.08

O bruxo

Por Joaquim Letria
LÁ VAMOS NÓS VER HOJE a selecção já na fase lusitana das contas: ”Se a Dinamarca perder, a Suécia empatar e nós…não perdermos, pode ser que ainda consigamos ir à fase final”.
Custa-me imaginar o Scolari a ir tomar um cafezinho a South Kensington com o Murtosa e rirem-se de nós. Dói-me pensar no Alex Ferguson a chamar o nosso Gil, que se ocupa das camadas jovens do ManUnited, para perguntar ”Gil, que se passa com o Queiroz?”
Não sei se adianta alguma coisa ganharmos hoje. Deve ser melhor do que perdermos. Mas o que me preocupa é o bruxo! Então já alugaram um bruxo?! Os jornais dizem que sim. E embora não se possa acreditar em tudo que os jornais dizem, a senhora de Caravaggio do Scolari também não nos ajudou a ganhar nada, mas era outro asseio. Já alguém perguntou qual a devoção do Otto Glória, do Bella Gutmann, do Fernando Cabrita, do Humberto Coelho? E pôr o padre Borga seleccionador?!? Nestas aflições vale tudo!
«24 Horas» de 15 de Outubro de 2008

Etiquetas:

1 Comments:

Blogger R. da Cunha said...

O Madaíl saiu antes de terminar o jogo contra a Albânia, para apanhar o último avião para Londres, onde vai para convencer o Sargentão a voltar ou, no mínimo, para lhe emprestar a imagem da Senhora de Caravágio.

15 de outubro de 2008 às 23:43  

Publicar um comentário

<< Home