23.6.10

O Certo e o Errado

Por Baptista-Bastos

UM JORNAL escreveu, em editorial, sobre José Saramago: "Esteve, muitas vezes, do lado errado da História." Infere-se, deste duro juízo moral, que o feliz editorialista conhece o lado certo da História, e que ele próprio se situa, intrepidamente, nesse lado. E que é o lado certo ou errado da História? O lado certo será límpido e asseadíssimo; o errado, por antinomia, sujo, abjecto, torpe.

O simplismo da afirmação retém, em si, a totalidade das ideias feitas; e a estrutura do conceito é reveladora da preguiça mental, invariavelmente associada à atracção exercida pelos "vencedores" da História sobre aqueles cujo horizonte de valores é unívoco e maniqueísta. (...)
Texto integral [aqui]

Etiquetas:

1 Comments:

Blogger Táxi Pluvioso said...

Para o jornalista é o lado de baixo, o lado certo, pois são a voz do dono.

24 de junho de 2010 às 06:20  

Publicar um comentário

<< Home