24.11.10

Inexorável

Por João Paulo Guerra

O JORNAL «Le Monde» publicou uma reportagem do seu enviado a Lisboa à qual deu o título: «Portugal desliza inexoravelmente para a pobreza». Pela reportagem desfila um conjunto impressionante de números. Dá ideia que as estatísticas se revoltaram contra a política portuguesa e aí as temos, num tumultuoso desfile contestatário, denunciando 30 anos de conluio de interesses entre três partidos governantes e as respectivas clientelas. E o resultado é a pobreza extrema que ameaça agora, no mais elementar dos direitos de subsistência, os que já eram pobres mas também a classe média. (...)

Texto integral [aqui]

Etiquetas: ,

3 Comments:

Blogger bravomike said...

«reina a calma na panela de pressão».
E já temos blindados.
Os da PSP, os da GNR, e
os 40 tanques de lagartas Leopard de há dois anos: 80 milhões para a Holanda/NATO.
A hipótese de virem até Lisboa e varrer as cliques partidárias, é altamente improvável. Sem dinheiro para combustivel.
A não ser que um qq Governo Civil da zona (Tancos, Santa Margarida) disponha de um saco azul recheado.
BM

24 de novembro de 2010 às 18:48  
Blogger José Batista said...

Caro BM

Eu gostaria de ter a certeza de que não haverá nenhuma hipótese de esses blindados virem a ser usados para reprimir multidões de miseráveis em desespero revoltoso.
Assim, a falta de dinheiro até poderia ter algo de positivo...

24 de novembro de 2010 às 22:53  
Blogger JARRA said...

Também não podemos ter essa subserviência perante as observações dum jornalista estrangeiro, que concerteza viu o país pelos olhos de algum anónimo amigo português!
Quanto às estatísticas, falo do que sei, as interpretações sobre o aumento da mortalidade infantil são abusivas e continuamos bem confortáveis comparados à França.
Não temos que aceitar a desgraça como inevitável - temos é que reagir!

25 de novembro de 2010 às 00:28  

Enviar um comentário

<< Home