17.9.08

Clicar na imagem para a ampliar

Etiquetas:

2 Comments:

Blogger Carlos Medina Ribeiro said...

Curiosa coincidência:

Ontem, o leitor Luís Bonito enviou-me esta interessante notícia:
--

Programa piloto arrancou esta semana

Israelitas usam análise de ADN para tirar o cocó de cão das ruas
16.09.2008 - 16h54 PÚBLICO

O método serve para punir mas também para recompensar. É a ciência ao serviço da cidadania. Uma cidade israelita nos subúrbios de Telavive chamada Petah Tikva está a usar a análise de ADN para tratar do cocó de cão que mina as ruas.

O programa piloto lançado esta semana tem várias fases. Para já, os donos dos animais de estimação são "convidados" a dirigir-se até às instalações veterinárias do município para que sejam recolhidas as amostras necessárias dos cães para elaborar a base de dados. Para mais tarde identificar o bicho e, consequentemente, o dono.

Mas o programa funciona em dois sentidos. As análises não serão feitas apenas aos dejectos "esquecidos" na rua. Os donos que usam os caixotes
instalados nesta cidade para este propósito serão também recompensados com comida ou brinquedos para os seus animais de estimação. Quanto aos donos menos cumpridores que deixem "pistas" na rua, o ADN será analisado, comparado com a base de dados e, caso seja possível uma
identificação, resta esperar por uma multa. "

O meu objectivo é conseguir que os moradores se envolvam e mostrar-lhes que juntos podemos tornar o nosso ambiente melhor", disse
à Reuters Tika Bar-On, o responsável pelo departamento de veterinária da cidade. O veterinário adiantou ainda que este sistema pode ainda
ajudar a despistar certas doenças genéticas nos cães, a investigar o
pedigree, a identificar raças dos cães e até a substituir a identificação por chip. "O céu é o limite", conclui Bar-On.

--

http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1342963&idCanal=13

17 de setembro de 2008 às 10:03  
Anonymous Anónimo said...

Uma curiosidade muito curiosa! LOL

EHEHEHEH!!

:)

18 de setembro de 2008 às 10:50  

Publicar um comentário

<< Home