14.1.10

No Reino do Absurdo

MUITO possivelmente, este estabelecimento paga à Câmara Municipal uma taxa para poder dispor de lugares de estacionamento - reservados, exclusivamente, para os seus motociclos. Mesmo que assim não seja, o que será mais absurdo: haver condutores de carros que utilizam esse parque (enxotando as motorizadas para o passeio), ou motociclistas que desprezam o espaço que lhes é destinado (convidando os carros a utilizá-lo)?
Actualização: ali bem perto, há uma situação semelhante - ver [aqui].

4 Comments:

Blogger Ribas said...

Realmente!
Está uma coisa esperta.
Dá direito a reboque, eu chamava logo!

14 de janeiro de 2010 às 16:01  
Blogger Carlos Medina Ribeiro said...

Pelo menos em Lisboa, e salvo raras excepções, estes parques para motociclos foram "protegidos" com pilaretes, que (pelo menos enquanto não os deitam abaixo...) evitam que sejam utilizados por automóveis.

Este, na R. Oliveira Martins, é um dos poucos em que tal não foi feito. Não se percebe porquê mas, pelos vistos, quem beneficiaria com isso (a pizzaria) está-se nas tintas.

14 de janeiro de 2010 às 16:41  
Blogger Ribas said...

Se calhar o carro é do gerente da pizzaria. Ficou como o lugar do patrão. Lol

14 de janeiro de 2010 às 20:48  
Blogger Carlos Medina Ribeiro said...

O espaço dá para 2 carros.

14 de janeiro de 2010 às 21:19  

Publicar um comentário

<< Home